quarta-feira, 24 de março de 2010

Hand in Hand



(1)
Yao passa o polegar pela pele dela, um sorriso doce demais, quase enjoativo domina seus lábios, por mais que ele tente se controlar. Não gosta de mostrar para todos os passageiros do ônibus que está apaixonado pela garota ao seu lado, se bem que por ela, ele se pintaria de ouro e correria pelas ruas gritando à plenos pulmões:
"WO AI NI, WO AI NI, ARU...!"
(2)
Ela aperta a mão dele com mais força, o pé batendo contra o chão do ônibus no ritmo da música que juntos eles ouvem. Yao não havia visto que ela estava sorrindo, aquele mesmo sorriso bobo de tempos atrás. E ainda hoje, quando ele a via, o coração disparava. Ás vezes ele odiava aquilo, na maioria das vezes gostava de estar apaixonado. (Por ela, claro.)
(3)
"Ainda vou aprender a cantar 'Hello China'!" - Ela diz, os olhos escuros fixados nos dele. Ela usa um tom de promessa, daquelas promessas malucas dos contos de fadas, como se aprender a cantar uma música em japonês fosse um assunto de vida ou morte. (Ele iria logo atrás se ela morresse.) Ou pelo menos, uma...
(4)
...Uma jura de amor. Daquelas com tema musical e lágrimas de uma plateia imaginária. Daquelas que não se esquece com o tempo, daquelas reais, daquelas que não precisam ser ditas. Daquelas que combinavam com eles.
"Eu te ensino a cantar, aru."
(5)
Ela sorri aquele sorriso só dele, aquele de quando se conheceram, Yao não se lembrava aonde ou quando. Só conseguia lembrar de não ter tirado seus olhos dos dela.
"Mesmo?"
(6)
"Claro, aru." - Yao sorri de volta, achando que eles bem poderiam estar sendo observados por todos, todos os passageiros do ônibus. Quem se importa? Agora ele sabia que poderia dizer para todo o mundo que não estava apaixonado. Estava amando.
(7)
E finalmente, finalmente mesmo...Eles se beijam.

(Fim?)



Eu tinha que escrever. Sei lá, eu também precisava de um post para você aqui, então saiu isso. Espero mesmo que você tenha gostado, por que até que eu achei fofo, sabe? E um fato pouco conhecido é que Sunrise e China é O casal. Logo depois de Lituânia e Polônia (ou LituâniaxPolôniaxLituânia), claro. Enfim, consegui. Agora, claro, falta uma da minha outra Lituânia preferida com o Alemanha. Ou não serei feliz. DUENDE, EU ESTOU INDO, AGUENTE FIRME!
OBS: Hand in Hand é 'De mãos dadas' em alemão.




3 comentários:

Saki Miyazawa Morgan disse...

Como a Sunrise e eu somos a mesma pessoa, eu já sei que ela vai amar e surtar horrores, porque eu amei <3

(E "Hand in Hand" significa a mesma coisa em inglês. Amo essas coincidências linguísticas 8D)

Tchubarubah~ disse...

wow! há quanto tempo não lia algo assim, com ar de dorama (?) ...
achei muito fofo!
*o*

e adorei seu blog, maninha!! \o/

vou te seguir, hoho!

=*

Sunrise disse...

...

Tudo bem, eu QUASE chorei aqui (estou sensível, hoje /comoproceder). Está lindo. Você sempre me pega assim, de surpresa, e eu fico sem saber o que dizer ou como reagir. É muito lindo. Lindo demais. Fico tão feliz com isso.

Agora preciso fazer com que seu presente seja perfeito, cara. Perfeito. Vai ser meu best-seller \o/ [wat]

Enfim. E é por coisas como essa que eu te amo s2

Postar um comentário